Você se inscreveu com sucesso em Blog | Zerezes
Ótimo! Em seguida, finalize a compra para ter acesso completo a Blog | Zerezes
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está totalmente ativada, agora você tem acesso a todo o conteúdo.
Sucesso! Suas informações de cobrança são atualizadas.
Falha na atualização das informações de faturamento.
Você sabe o que é Setembro Amarelo?

Você sabe o que é Setembro Amarelo?

. 2 minutos de leitura

Estamos no fim de setembro, mas nunca é tarde para falar sobre saúde mental. Aliás, se você nunca ouviu falar (ou se já ouviu mas não sabe ainda do que se trata), o Setembro Amarelo é o mês de conscientização e prevenção ao suicídio.

A campanha surgiu no Brasil em 2015, e desde então as discussões sobre saúde mental têm sido cada vez mais frequentes e importantes. Para quem assistiu o recente e super em alta Social Dilemma na Netflix, viu como as taxas de ansiedade e frustrações das redes sociais têm impactado a vida das pessoas, sobretudo adolescentes.

Como disse o Pedro Pacífico num post do instagram, "apesar de o suicídio ser uma realidade cada vez mais comum, principalmente em relação aos jovens, o assunto ainda é rodeado de tabus e informações equivocadas. Quem sofre com depressão, deve se sentir à vontade para falar sobre o que enfrenta e buscar ajuda profissional".⁣

Conversar sobre o assunto, buscar terapia e ler sobre o assunto podem ser grandes aliados tanto para quem está passando por alguma dificuldade, quanto para quem está vivenciando qualquer situação próxima. Ficção ou não, a leitura acaba nos ajudando a compreender um pouco melhor as dores de quem vive isso na pele, e nos ajuda a ganhar consciência sobre a importância do tema.

Lembre-se: saúde mental não é frescura!⁣

Mais uma vez seguindo o grande Pedro Pacífico, encaminhamos uma lista de livros recomendados por ele e que tratam do assunto: ⁣

“A redoma de vidro” de Sylvia Plath⁣

“Os sofrimentos do jovem Werther”, de J. W. Goethe⁣

“A elegância do ouriço”, de Muriel Barbery⁣

“Mrs. Dalloway”, de Virgínia Woolf"

“O demônio do meio-dia”, de Andrew Solomon⁣

“Serotonina”, de Michel Houellebecq⁣

“Talvez você deva conversar com alguém”, de Lori Gottlieb⁣

“Norwegian Wood”, de Haruki Murakami⁣

“Persépolis”, de Marjane Satrapi⁣

-

IMPORTANTE: Antes de escolher a sua leitura, lembre-se que alguns dos livros sugeridos podem conter gatilhos para depressão, ansiedade e suicídio. O CVV possui atendimento gratuito e 24 horas para quem deseja conversar sobre o assunto: ligue 188.⁣